Protesto contra remoção de delegado que transferiu presos a pé

0
701

Insatisfeitos com a remoção do delegado Cristiomário Medeiros, de Planaltina, depois que ele transferiu a pé os presos da cadeia por dois quilômetros, até o presídio municipal, um grupo de moradores se reuniu na porta da delegacia para protestar. A transferência do delegado de Planaltina para Alto Paraíso foi comunicada nesta quarta-feira (13), pela Polícia Civil, para quem o procedimento não respeitou as normas de segurança e expôs os presos.

O operador de máquinas Domingos Bezerra contou à Televisão Anhanguera que não aceita a saída do delegado e por isso organizou o protesto. Raiane Sirqueira, também moradora da cidade, contou que teve o irmão assassinado no mês passado e parabenizou o trabalho do delegado, que conseguiu prender o autor com rapidez.

A transferência de 20 presos a pé pelas ruas de Planaltina aconteceu na semana passada. O delegado pediu e conseguiu autorização da Justiça para a remoção, com a intenção de reformar as celas da delegacia, superlotada e sem estrutura, que foram danificadas nas últimas fugas. Cristiomário disse que não conseguiu um ônibus para levar os presos e não havia quantidade de veículos suficiente para o transporte.

A cidade de Planaltina que tinha três delegados agora vai passar a contar com apenas dois. O delegado Cristiomário Medeiros entendeu a transferência como um tipo de punição. Ele disse que vai recorrer à Justiça para contestar a decisão.

 

Fonte: Sindepol/GO