Magno Malta diz que redução da maioridade penal deve ser acompanhada de outras reformas

0
1288

O senador Magno Malta (PR-ES) defendeu em Plenário o projeto que reduz a maioridade penal para 16 anos, mas alertou que a medida será apenas paliativa se não for acompanhada de outras reformas. Na opinião do senador, menores que cometem crimes hediondos devem ser julgados como adultos, independentemente da idade; ele sugeriu que os adolescentes possam ser acolhidos em centros de treinamento de esportes de alto desempenho.

— Eu também  não concordo com redução por redução. Reduzir para 16 para quê? Para quê? Vai continuar do mesmo jeito, e vão depois querer brigar para reduzir para 15. Depois vão para outra invenção, para 14, e nunca vai resolver — disse o senador.

Magno Malta também denunciou distorções no Código Penal e a falência do sistema de aplicação de medidas socioeducativas, que chamou de “universidades de crime”, e criticou os defensores do aborto que se posicionam contra a redução da maioridade penal.

Fonte: Agência Senado