Adepol nos Estados – Delegados de Rondônia querem inclusão nas carreiras jurídicas

0
2058
O presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia Civil do Estado de Rondônia (Sindepro), Antônio Sobral Neto, entregou, na quarta-feira (11), ao secretário-chefe da Casa Civil, Marco Antônio de Faria, uma minuta de Projeto de Emenda à Constituição (PEC) para sedimentar a carreira jurídica da categoria.
Na exposição de motivos, Sobral, que assumiu a presidência do sindicato recentemente, argumentou que delegados de treze estados brasileiros já são beneficiados pela medida. “É uma tendência em nível nacional,” frisou, destacando que os delegados locais também são favoráveis. “Há quase unanimidade, com um só delegado contra os nossos objetivos.”
Marco Antônio considerou justa a reivindicação dos delegados, garantindo que vai acompanhar todo o processo de perto e intermediar o pleito junto ao governador Confúcio Moura. Antes, porém, ele disse que vai conversar com técnicos do governo para avaliar os procedimentos legais e os encargos que advirão com a suposta aprovação do projeto.
O presidente do sindicato foi acompanhado, na reunião na Casa Civil, pelos delegados Mário J. Pinto Sobrinho, Francisco Alencar da Silva e Renato Eduardo Souza.