REPÚDIO AO CANCELAMENTO ARBITRÁRIO DO CONCURSO PÚBLICO PARA A POLÍCIA CIVIL NO PARANÁ

0
446

O Núcleo de Concursos da Universidade Federal do Paraná (NC-UFPR) suspendeu, na madrugada deste domingo, a aplicação das provas do Concurso PCPR que aconteceria hoje na cidade de Curitiba. O concurso com cerca de 400 vagas para contratação de Delegados, Investigadores e Papiloscopistas já havia sido alvo de um pedido de adiamento feito pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR) e pela Defensoria Pública do Estado (DPE-PR), que entraram na justiça para que o concurso fosse adiado por conta da pandemia da Covid-19. O pedido foi negado, ainda no sábado (20), com manutenção da prova para este domingo. Porém, mais uma vez, de forma unilateral, o concurso foi suspenso, agora pela banca examinadora contratada.

Lamentavelmente milhares de cidadãos se viram afetados e prejudicados, além de toda uma instituição, por falta de planejamento adequado por parte não apenas da responsável pelo certame, mas também por descaso do Governo do Estado, responsável pela contratação e humilhado em tal contexto.

Esperamos que providências sejam adotadas, sem prejudicar a realização do concurso público com critérios objetivos e transparentes , bem como respeitando os candidatos e a Polícia Cívil do Paraná.

Manifestamos por fim nossa plena solidariedade e apoio à Adepol-PR pela luta hérculea empreendida neste lamentável episódio.

ADEPOL do BRASIL