Presidente da ADEPOL DO BRASIL participa de audiência pública no Senado sobre o PL 2.253/2022, que extingue o benefício da saída temporária de presos

0
149

Nesta última terça-feira (26), a ADEPOL DO BRASIL, através de seu presidente Rodolfo Queiroz Laterza, participou de audiência pública no Senado para debater o PL 2.253/2022, que modifica a Lei de Execuções Penais, dispondo sobre o exame criminológico para a progressão de regime e livramento condicional, sistema de monitoramento das tornozeleiras eletrônicase e proibição de saída temporária de presos.

Em sua preleção, Laterza, cuja fundamentação foi bastante elogiada, defendeu o aprimoramento da Lei de Execução Penal e elogiou o projeto, basicamente propondo uma modulação a respeito da saída temporária de presos.

“Agradecemos ao Senador Kajuru, que presidiu a audiência pública, pelo convite à ADEPOL DO BRASIL e pelo debate qualificado”, destacou o Presidente Laterza.

Crédito das fotos: Pedro França/Agência Senado