CPI do Assassinato de Jovens define plano de trabalho nesta segunda

0
773

O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) apresenta, nesta segunda-feira (11), o plano de trabalho com que conduzirá as investigações da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que acaba de ser criada no Senado para elucidar o assassinato de jovens no Brasil. A CPI foi criada por iniciativa da senadora Lídice da Mata (PSB-BA), escolhida presidente do colegiado.

No momento em que o Senado inicia essas investigações, está em andamento na Câmara uma CPI sobre o assassinato de jovens negros, razão pela qual Lídice da Mata deseja promover um encontro entre os dois colegiados com vistas à troca de informações. A senadora deseja também que sejam organizadas ações conjuntas nas investigações que forem de interesse de ambas as comissões.

A CPI do Assassinato de Jovens pretende ouvir especialistas em segurança pública e direitos humanos, assim como a família de jovens assassinados, a fim de traçar um mapa das cidades com mais casos de homicídios desse grupo, assim como identificar as razões do crescimento dessa violência.

A Comissão tem o prazo de 180 dias para encerrar seus trabalhos e deverá reunir-se toda segunda-feira, às 19h30. A fim de ampliar a possibilidade de acesso da população aos trabalhos desse colegiado, já está disponível na rede social Facebook a página CPIdosJovens, destinada àqueles que desejam enviar informações ou manifestar-se sobre os trabalhos da Comissão.

 

Fonte: Agência Senado