Artigo da ADEPOL DO BRASIL destaca ‘história das Mariposas’ para lembrar Dia Internacional da Não-Violência Contra a Mulher

0
51

No último sábado (25), o Dia Internacional da Não-Violência Contra a Mulher foi lembrado pela ADEPOL DO BRASIL com um artigo assinado pela diretora Raquel Gallinati e veiculado em grandes veículos de comunicação.

O conteúdo destaca a “história das Mariposas” como símbolo de resistência contra a opressão feminina.

Em 1960, as irmãs Pátria, Minerva e Maria Teresa desafiaram o ditador Rafael Leônidas Trujillo, na República Dominicana e, por isso, pagaram com suas próprias vidas. O brutal assassinato das irmãs, marcado por estrangulamento e ossos quebrados, ecoou globalmente e provocou indignação e comoção profunda.

Cerca de 80% das mulheres enfrentam violência física ou sexual, conforme a ONU. O brutal assassinato das irmãs em 1960 ressoa como um chamado à ação contra a persistente violência de gênero.

https://www.estadao.com.br/politica/blog-do-fausto-macedo/mirem-se-no-exemplo-daquelas-mariposas/