ADEPOL DO BRASIL no Estadão: ‘A proteção da mulher vítima de feminicídio é uma questão urgente que exige políticas públicas reais e efetivas’

0
122

Publicado no portal Estadão – Blog do Fausto Macedo

Por Raquel Gallinati*

24/05/2023 | 11h55

É alarmante saber que o número de crimes cometidos contra mulheres no estado de São Paulo teve uma forte alta no primeiro trimestre de 2023. Quando falamos em feminicídio, o índice foi 20 % maior em comparação com o mesmo período do ano passado.

Os dados fornecidos pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) são preocupantes e evidenciam que a violência contra as mulheres continua sendo uma realidade em nossa sociedade.

Enquanto homens em um relacionamento abusivo temem ser ridicularizados pelas mulheres, as mulheres temem pela própria vida diante da violência que enfrentam.

A violência contra a mulher se estabelece como uma das principais formas de violação dos direitos humanos, e, como tal, é também um desafio real para a polícia e para as políticas públicas.

Milhares de mulheres são mortas mesmo estando resguardadas por medidas protetivas e com inquéritos abertos contra seus algozes. Todos os dias, são Marias, Patrícias, Danielas, Verônicas e tantas outras, que, muitas vezes, pagam com suas vidas só por serem mulheres.

O problema é que o agressor, na maioria dos casos, é o companheiro e a violência ocorre dentro de casa. Uma rotina doméstica violenta permanente e cíclica. E quando os casos chegam a público, o pior aconteceu e muitos casos já entraram nas estatísticas de feminicídio. É um roteiro conhecido e repetitivo. Triste, porém real.

É preciso cortar o ciclo de violência desde o início, o que nem sempre é fácil para a vítima. Por isso, temos de agir, educar e proteger, até que a sociedade entenda que o homem não é dono da mulher e não tem direitos sobre ela.

LEIA ARTIGO COMPLETO: https://www.estadao.com.br/politica/blog-do-fausto-macedo/a-protecao-da-mulher-vitima-de-feminicidio-e-uma-questao-urgente-que-exige-politicas-publicas-reais-e-efetivas/?utm_source=estadao:app&utm_medium=noticia:compartilhamento?utm_source=estadao:app&utm_medium=noticia:compartilhamento