ADEPOL DO BRASIL é consultada pela Folha de S.Paulo em matéria sobre estudo de homicídios esclarecidos no país

0
110

O presidente da ADEPOL DO BRASIL, Rodolfo Queiroz Laterza, foi consultado em matéria publicada na edição desta quarta-feira (13) na Folha de S.Paulo e assinada pela jornalista Fernanda Mena. O conteúdo traz dados de uma pesquisa recente: em média, apenas 1 de cada 3 homicídios ocorridos no Brasil entre 2015 e 2021 foi esclarecido. O levantamento foi produzido pelo Instituto Sou da Paz.

Das 27 unidades da federação, 11 enviaram dados incompletos para os crimes ocorridos em 2021, e ficaram de fora do estudo. Para o delegado Rodolfo Laterza, presidente da Adepol (Associação dos Delegados de Polícia do Brasil), é impreciso medir a efetividade do trabalho policial de investigação a partir das denúncias oferecidas pela Promotoria. “Muitas vezes, o inquérito é encaminhado para o Ministério Público com resolutividade, mas o Ministério Público, por inúmeras razões, não oferece a denúncia.”

Leia matéria completa: https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2023/12/apenas-1-a-cada-3-homicidios-foram-esclarecidos-no-brasil-aponta-estudo.shtml